. iPhone 7 superaquece e causa queimaduras de segundo grau em grávida - Tudo Sobre Tecnologia



Um novo caso assustador envolvendo um iPhone 7 e altas temperaturas voltou a acontecer na Austrália. Neste último final de semana, um modelo da Apple causou queimaduras de segundo grau a Melanie Tan Pelaez, mulher grávida de 34 anos que dormiu em cima do telefone.
O caso aconteceu enquanto o aparelho estava conectado à tomada por meio do carregador, superaquecendo após sua dona permanecer por um longo período de tempo impedindo a passagem de ar.


Ao acordar e notar manchas vermelhas em sua pele, Melanie foi direto ao hospital. Chegando no local, médicos confirmaram a presença de queimaduras de segundo grau, estipulando como a causa um “objeto estranho”.
Chegando em casa, para a sua surpresa, a australiana encontrou a unidade de iPhone 7 em cima da cama. Os formatos do smartphone e do carregador entram em consenso com os machucados encontrados no braço de Tan Pelaez. Veja a imagem abaixo.

De fato, quando um telefone está carregando, sua temperatura normal aumenta por causa do fluxo de energia. Se vídeos ou músicas estiverem sendo carregados pelo aparelho, o calor cresce ainda mais.


Neste caso, o cenário foi alimentado pelo fato de Melanie ter dormido em cima do dispositivo, impedindo a passagem de ar e, como consequência, sendo queimada por uma estrutura bem quente. Apple foi acionada por ela logo em seguida do incidente.
Chegando no estabelecimento da companhia, a antiga cliente contou o acontecido. Nas palavras dos funcionários, não houve um “cheiro distintivo” que provaria a culpa do iPhone 7. Mesmo assim, a unidade em questão foi enviada a Cupertino, sede da empresa, para testes.
Apple ofereceu outro exemplar do telefone a ela, porém a mesma diz não confiar mais na marca e acabou por recusar o produto. Tenha em mente que ela usa iPhones desde o modelo original.
Melanie Tan Pelaez visitou cirurgiões plásticos e terá que passar por procedimentos estéticos a fim de remover as sequelas do acontecido. Felizmente, apesar do susto, a gravidez não foi afetada pelas queimaduras de segundo grau.
A australiana ainda não decidiu se colocará, ou não, a Apple na justiça. É provável que ela esteja esperando os resultados dos testes que serão feitos na cidade natal da Maçã. Curiosamente, não é o primeiro caso do gênero na Austrália.


0 comentários Goocle+ 0 Facebook

Postar um comentário

 
Tudo Sobre Tecnologia © 2013-2020. Todos os direitos reservados. Tudo Sobre Tecnologia. Desenvolvido por TST
Topo